FANDOM


Dormant Mundus

Novamente eu devo enfrentar um Sparda... destino estranho, não acha?

Mundus Avatar

Você falhou comigo!

Awaken Form

Esses olhos... no fundo deles, vejo a mesma luz que brilhava nos olhos de seu pai...

Eu retornarei, e então, Reinarei sobre este Mundo!
O Imperador do Submundo, Mundus


Introdução Editar

Mundus é o principal antagonista do primeiro Devil May Cry, e sua derrota pelas mãos de Sparda 2.000 anos atrás é o que estabelece o cenário para toda a série.

Um poderosíssimo demônio, Mundus é um dos demônios mais antigos, que nasceram na época em que Demônios e Anjos eram apenas um, por isto mantém traços angelicais. Tendo surgido nos abismos mais profundos do Submundo, ele rapidamente subiu ao poder. Existem até mesmo lendas de seus feitos, de quando ele criou um grande exército e matou o antigo Deus do Mal, tomando o título para si após sangrentas batalhas. Um de seus soldados, era o próprio futuro Lendário Cavaleiro Negro, Sparda

Mundus então realiza a ação que causou sua derrota: Ele planeja invadir o Mundo Humano e o junta-lo ao Submundo, recriando assim o estado original dos universos, onde luz e escuridão eram ambos um só. Com tal decisão, um de seus soldados mais preciosos vê nos humanos o fruto da bondade e generosidade, e decide impedir seu mestre na tomada do Universo. Com o grande poder ganho por Sparda após ele acordar para com a justiça, Mundus e seu exército são derrotados, sendo selados por 2.000 anos dentro do Submundo

Nestes 2.000 anos, Mundus planejou sua vingança para com seu antigo aliado. Após tal período, o Imperador do Submundo manda seus soldados para a realidade do Mundo Humano, onde agora a desprotegida esposa humana de Sparda não tinha escapatória. Seus serventes a assassinam em frente aos dois descendentes de Sparda, e o Imperador do Submundo recua para continuar com seus planos

O Deus auto-intitulado Mundus, então, realiza todos os preparativos, preparando-se para emergir na Ilha de Mallet, onde humanos o adoravam na antiguidade. Porém, ele possuía apenas um grande problema: o filho de seu nemesis, Dante

Poderes e Estatísticas Editar

Classe: Pelo menos 3-A, provavelmente Muito Maior

Nome: Mundus

Franquia: Devil May Cry

Gênero: Masculino

Idade: Muito mais de 2.000

Classificação: Demônio, Deus das Trevas, Deus do Mau, Imperador do Submundo

Poderes e Habilidades: Características Físicas Sobre-Humanas, Manipulação da Realidade (Tipo 3), Manipulação de Energia (Nível 1 e 2), Manipulação Elemental (Tipo 2), Eletrocinese, Manipulação Temporal, Manipulação Espacial, Manipulação Mental (Tipo G), Manipulação Espiritual, Regeneração (Nível Celular, C, Tipo 3), Zero Absoluto, Invocação de Meteoros, Controle Temporal, Teletransporte (Próprio), Criação de Campos de Força, Manipulação Molecular, Imunidade a Manipulação Temporal, Imortalidade (Tipo F), Manipulação de Lava.

Dimensionalidade: 3D.

Ataque: Pelo menos Universal, provavelmente Muito maior (Separou o Submundo e o Mundo Humano, que eram originalmente um, e os juntou novamente mais tarde; Criou um Universo casualmente para sua batalha contra Dante, feito confirmado múltiplas vezes; O nome de um Demônio representa seu poder, com Mundus significando Universo).

Velocidade: Pelo menos Sub-Relativista (Muito superior a seres como Abigail e Argosax. Pelo menos comparável a Dante, acompanhando-o durante sua luta).

Força de Elevação: Pelo menos Classe G.

Força do Soco: Classe XJ.

Defesa: Pelo menos Universal (Capaz de receber diversos ataques de Sparda e Dante em Sparda Trigger).

Vigor: Muito Alta (Enfrentou Dante utilizando grandiosamente seus poderes, e após ser derrotado pelo Filho de Sparda e praticamente destruído, ainda conseguiu abrir o selo para o Submundo e enfrentar Dante uma segunda vez; ainda se agarrou e dificilmente foi puxado de volta para o Submundo).

Alcance: Interdimensional.

Inteligência: Genialidade Extraordinária (Mundus é possivelmente o Demônio mais antigo que se tem conhecimento em Devil May Cry, existindo durante mesmo o período em que Anjos e Demônios eram a mesma coisa. Além de ser o criador de muitas raças demoníacas com diversas habilidades, pode ser comparado aos 7 Pecados, se não superior a eles, o qual as motivações e a própria existência são complexas demais para o Mundo Humano.

Fraqueza(s): Arrogante demais para com os inimigos.

Técnicas notáveis Editar

Orbes Editar

Mundus demonstrou ser capaz de invocar dois tipos de orbes, um para finalidades ofensivas e outro para finalidades defensivas, ambos com runas em partes opostas. Os orbes invocados para motivos ofensivos são menores, mas geralmente em maior quantidade: eles disparam projéteis de energia vermelhos em grandíssimas quantidades, deslocando de posição sozinhos para acertar o inimigo, que compensam seu pequeno tamanho por sua quantidade; Já os invocados para meios defensivos são maiores em tamanho, porém em menos quantidade: enquanto todos estiverem de pé, um Campo de Força se mantém erguido logo a frente do Imperador do Submundo, que consegue aguentar ataques de oponentes tão formidáveis quanto Dante em Sparda Trigger, anulando-os quando tocam no Campo. Tal só pode ser visto por um momento ao ser invocado, e logo depois, apenas se podendo ver a distorção espacial na área onde a habilidade fora anulada

Correntes de Raios Editar

Mundus é capaz de invocar Correntes de Raios para atacar seus inimigos, podendo ataca-los com vários raios de coloração branca. Leva-se em conta que os raios utilizados por Mundus em forma Desperta, de cor branca, são bem superiores aos usados por seu Avatar, de cor azul, que pode até mesmo desintegrar um de seus generais, Griffon. Mundus pode definir a direção do ataque, se os raios vem em direção ao inimigo como uma parede, ou se vão diretamente no alvo

Chuva de Meteoros Editar

O Deus do Submundo pode invocar Meteoros de Energia Pura, descendo dos céus para atacar seus inimigos, vindo em grande quantidade, com Mundus podendo controlar a quantidade de suas dezenas. Ele é capaz também de arremessar meteoros de rocha sólida também contra o alvo, porém mais lentos e mais fracos. Alguns acertos de sua Chuva de Meteoros foi capaz de reverter Dante de volta do Sparda Trigger para sua forma normal

Disparos de Energia Editar

Mundus é capaz de moldar seus disparos de energia em várias formas, e atira-los de diversos pontos. Geralmente assumindo formas como Lanças de Energia, ele pode dispara-los de seus olhos, de suas mãos e de suas costas. E notável que os disparos de seus olhos são mais poderosos que os outros, como são apenas 3 disparos (Um por cada um de seus olhos), tais já foram capazes de incapacitar completamente Dante, além de, mais tarde, o ferir seriamente em Sparda Trigger após empala-lo, de modo que ele não pode se defender de sua Chuva de Meteoros

Ele também pode realizar disparos de energia totalmente brancos. Em sua forma Dormente, ele é demonstrou realizar um disparo de energia carregado de seu terceiro olho, poderoso e de velocidade incrível, praticamente eliminando Trish, e haveria matado Dante caso não fosse salvo. Ele pode utilizar uma versão incrivelmente mais forte durante sua forma Desperta, invocando 8 runas a sua volta e disparando uma rajada de energia muito maior de seu terceiro olho, sendo este seu ataque mais forte

Variações: Auge

Outros Editar

Vitórias Notáveis:

Perdas Notáveis:

Batalhas Inconclusivas:

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.